Itapetinga: Rodrigo Hagge e Renan Pereira são diplomados


Foto/Aline Ribeiro
Foto/Aline Ribeiro
Com o Plenário da Câmara Municipal lotado, os eleitos em 2 de outubro no município de Itapetinga, foram diplomados nesta sexta-feira (16). Os trabalhos foram conduzido pelo juíz Eleitoral de Itapetinga Rodrigo Medeiros Sales . Com a diplomação, os eleitos estão prontos perante a justiça para exercerem suas funções de 1 de janeiro de 2017 em diante. Foram diplomados o prefeito eleito de Itapetinga Rodrigo Hagge, além de seu respectivo vice Renan Pereira.

(mais…)

Caatiba: Justiça Federal suspende posse de Tânia Ribeiro


maxresdefault
Como já se esperava, a prefeita eleita de Caatiba, diplomada  no dia 12 não assumirá no próximo dia 1° por determinação da Justiça Federal.
A ação levou em conta a decisão do Juiz Federal João Batista de Castro Júnior da 1ª Vara da Justiça Federal em Vitória da Conquista, que afastou do cargo Júnior Mendes e a vice-prefeita Tânia Ribeiro, pelo crime de improbidade movida pelos procuradores da República Roberto Oliveira e André Sampaio Viana.

(mais…)

‘O maior interessado na verdade sou eu’, diz Lula a Moro em depoimento; veja vídeo


O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva fez questão de prestar esclarecimentos em depoimento prestado nesta quarta-feira (30) ao juiz federal Sérgio Moro, como testemunha de defesa do deputado federal cassado Eduardo Cunha (PMDB). “Eu fui inclusive comunicado pelos meus advogados que não seria necessário responder, mas eu faço questão de responder. O maior interessado na verdade sou eu”, disse o ex-presidente, assim que Moro explicou os detalhes da audiência. (mais…)

Manifestantes assam linguiça em protesto contra Geddel: ‘Queima Suíno’


sui

Os manifestantes usaram de bom humor para protestar em frente à construção do edifício La Vue, pivô da polêmica que levou à demissão do ministro da Secretaria do Governo, Geddel Vieira Lima. O ato começou por volta das 16h na Ladeira da Barra e atraiu dezenas de pessoas, entre membros de centrais sindicais e estudantes.

sui2

A Transalvador alterou o tráfego e fechou as vias para a realização do protesto. Os manifestantes usaram de bom humor para realizar o ato. Um grupo fez um “churrasco” de linguiça, em referência a ao apelido que o cantor Renato Russo deu a Geddel: Suíno. Eles usaram carvão, latas e uma grade para assar a carne. (BN)

Bafafá no Congresso Nacional: Lúcio bate boca no plenário da Câmara para defender Geddel Vieira Lima


O deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA) protagonizou um bate-boca acalorado com o deputado Silvio Costa (PTdoB-PE) para defender o ministro da Secretaria de Governo e seu irmão, Geddel Vieira Lima. A briga, registrada em vídeo [abaixo] pelo site Poder360, começou quando Costa pediu, no plenário da Câmara, a demissão de Geddel após a acusação de que ele praticou tráfico de influência para conseguir a liberação de um empreendimento imobiliário em Salvador. (mais…)

Justiça determina paralisação de obra do prédio em que Geddel tem imóvel


A Justiça Federal determinou a paralisação das obras e da comercialização de unidades do empreendimento de alto luxo La Vue, localizada na Ladeira da Barra, área nobre de Salvador, em que o ministro-chefe da Secretaria de Governo, Geddel Vieria Lima, tem um apartamento comprado na planta.
A decisão liminar, assinada pela juíza substituta da 19ª Vara Federal, Roberta Dias Nascimento, Gaudenzi, foi publicada nesta quarta-feira (23). Conforme a decisão, a Cosbat e a Porto Ladeira da Barra Empreendimentos SPE Ltda devem atender de imediato a decisão sob pena de multa diária de R$10 mil.

Wagner admite candidatura em 2018


Foto: Max Haack/ Ag. Haack
Foto: Max Haack/ Ag. Haack

O ex-governador Jaques Wagner já avalia quais são suas opções para as eleições de 2018. Logo após tomar posse como coordenador do Conselho de Desenvolvimento da Bahia, o ex-ministro disse que o mais provável é que tente voltar ao Congresso Nacional. “O que está mais colocado neste momento é uma candidatura minha ao Senado. Seria a naturalidade, na medida em que muita gente achava que eu deveria ser senador em 2014 e eu preferi trabalhar pelo grupo, ficar sem mandato para poder contribuir. Da mesma forma eu digo hoje: eu vou jogar na posição que for melhor para o grupo. Se for como deputado, como senador, se for para não ser candidato… A minha tendência é voltar a ter um mandato político. Então eu diria que está entre deputado e senador”, contou nesta segunda-feira (21). (mais…)

Senador Magno Malta propõe redução drástica no salário de juízes, parlamentares e do presidente


O senador evangélico Magno Malta (PR-ES) propôs, na última semana, uma redução drástica no salário dos parlamentares, de funcionários do Congresso, do presidente da República e dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF).

Em discurso na tribuna do Senado, senador Magno Malta (PR-ES)
Em discurso na tribuna do Senado, senador Magno Malta (PR-ES)

No discurso, Malta diz que o ideal era que o governo estabelecesse um teto salarial para todas as esferas e sugere um valor: R$ 15 mil. “E olha que quinze conto é dinheiro, ninguém vai morrer de fome”.
“Tem que fazer um teto para os grandes salários. Nós não podemos viver com gente desempregada e o pequeno empresário não podendo investir, contratar mais uma pessoa porque da empresa dele foi subtraído, mas tem juiz ganhando 100 mil reais; porque tem funcionário do Senado que ganha 60 mil reais”, disse o senador.
Para Malta, é importante que a PEC 241, que limita os gastos do governo federal, seja aprovada, mas diz que é preciso fazer algo mais do que se propõs até agora. “Está todo mundo nessa crise”, afirmou. “Defendo um teto salarial para todos os poderes nos próximos 20 anos. Vamos reduzir salários, R$ 15 mil está bom para senadores e magistrados. O sacrifício tem que ser de todos”, acrescentou.

Itapetinga: Prefeito tem contas rejeitadas


jose-carlos-moura-itapetinga
O prefeito de Itapetinga, município da região centro-sul da Bahia, situado a 562Km de Salvador, José Carlos Cerqueira Moura, teve suas contas referentes ao exercício de 2015 rejeitadas pelo Tribunal de Contas dos Municípios, na sessão de hoje (10.11) porque violou o artigo 212 da Constituição Federal, que impõe a aplicação de um mínimo de 25% da receita resultante de impostos e das transferências a que as prefeituras têm direito, na manutenção e desenvolvimento do ensino. O prefeito aplicou apenas o correspondente a 23,08% ao longo do ano.

(mais…)