Falta de manutenção nas estradas rurais do município de Caatiba gera transtorno aos moradores


whatsapp-image-2017-07-25-at-07-23-53-1

Moradores da zona rural do município de Caatiba, distante 47 km de Itapetinga, vivem literalmente na lama. Esta semana, eles entraram em contato com o site Itapetinga Repórter, e denunciaram o descaso do poder público com as estradas da região.

Os estudantes são as principais vítimas e alguns, inclusive, ficam semanas sem ir à escola.

“Essa região sempre foi assim. Quando tá com chuva fica desse jeito e quando faz sol aparecem os buracos”, lamentou uma moradora, que pediu para não ser identificada.

Imagens de um veículo modelo Kombi, que seria utilizado no transporte dos alunos, foram feitas por moradores e enviadas ao Itapetinga Repórter.

whatsapp-image-2017-07-25-at-07-23-00

Observe que um trator foi usado para retirar o carro do atoleiro. Segundo testemunhas, esse tipo de situação é comum no município.

“As fotos foram feitas na última sexta-feira na Fazenda Recreio. Toda zona rural está nessa situação”, informou outro morador, que também preferiu o anonimato.

O problema é antigo, inclusive no dia 26 de maio deste ano, o Itapetinga Repórter noticiou um protesto dos moradores da região da Bica da Serra, justamente por causa das estradas, pertencentes ao município de Caatiba (veja o vídeo).

Mesmo sendo um problema que atinge milhares de pessoas, inclusive idosos e crianças, a prefeitura local não comentou o caso, optando pelo silêncio.

AVISO: O conteúdo de cada comentário nesta página é de única e exclusiva responsabilidade do autor da mensagem. Dê sua opinião com responsabilidade!